Aumenta busca por criação de lojas virtuais

O aquecimento do e-commerce também apresenta reflexos na procura por lojas virtuais. De acordo com levantamento da Maxihost, a procura por lojas virtuais superou as expectativas com aumento de 60% nos últimos três meses, liderada por pequenas e médias empresas. Houve mudança do perfil, que até o final do ano passado era predominantemente de pequenos empreendedores.

Entre as PME’s que optaram pelas lojas virtuais, o setor que mais cresceu foi o de eletrônicos. No mesmo levantamento, a empresa detectou ainda que o comércio eletrônico, que antes era uma investida de dois extremos como grandes grupos ou de pequenos empreendedores, com a crise econômica foi descoberto pelas PME’s como uma alternativa muito lucrativa e prática.

O número de adesões às lojas virtuais não deverá parar de crescer. A projeção para o primeiro semestre de 2010 foi revista e agora é de 35%. Mas ainda é conservadora, pois podem acontecer as vendas de sistemas de lojas virtuais para a comercialização de acessórios de partidos políticos, que poderá fazer essa estimativa crescer ainda mais.