Pesquisas ajudam a entender o comportamento dos consumidores online

leading the way to consumerism, mrs minifig, CC

O grande interesse das pesquisas é que revelam tendências de comportamento. Apesar das diferenças culturais – que, sim, contam – é importante acompanhar estes números, porque o internauta tende a fazer as coisas do mesmo jeito: no Japão e no Brasil, na África e na Europa…

Uma pesquisa feita pelo The E-taling Group mostra o comportamento dos e-consumidores para realizar suas compras online. Segundo o estudo, mais da metade dos compradores online, usam uma parte do seu tempo em redes sociais para buscar idéias sobre compras. Mas, só 3% começam suas pesquisas nestas redes.
A pesquisa foi realizada em abril de 2011 e entrevistou 1.004 consumidores adultos dos EUA, e também descobriu o aumento do uso dos dispositivos móveis como ferramentas de compras. Pelo menos um terço dos entrevistados usam seus smartphones para checar e comparar preços durante uma compra em uma loja física.
Outro estudo, o 2011 Social Shopping Study, patrocinado pela PowerReviews, reforça estas tendências:

  • 16% dos entrevistados lêem e pesquisam produtos em mídias sociais com freqüência. Por outro lado, 49% dos consumidores consultados afirmaram nunca se utilizar deste tipo de sites para pesquisarem sobre compras.
  • 44% dos entrevistados começam suas pesquisas sobre produtos nos sites de busca. 33% afirmaram partir diretamente para sites de varejistas para conhecer mais sobre o produto que desejam; enquanto 20% vão diretamente ao site do fabricante; 2% começam a pesquisar um produto pedindo recomendações em redes sociais, enquanto 1% começam com perguntas no Twitter.
  • 79% dos entrevistados afirmaram realizar ao menos metade de suas pesquisas sobre um produto online antes de fazer uma compra. 15% dos pesquisados afirmou gastar 90% ou mais de seu tempo online pesquisando produtos.
  • A pesquisa também mediu o impacto dos smartphones nas pesquisas dos consumidores antes de uma compra. Quando questionados sobre as compras de produtos que realizaram nos últimos três meses, 33% afirmaram que utilizou seu telefone celular para checar vendas e promoções, 32% verificaram a classificação e comentários sobre produtos em seus telefones e 31% checaram preços através do Amazon.com. 26% usaram seu telefone para checar se uma loja tinha um produto específico em seu estoque.
  • Os consumidores não param de pesquisar produtos via internet nem quando entram em lojas físicas. 38% dos consumidores afirmaram que utilizam seus telefones móveis para olhar por cupons promocionais que podem ser trocados por produtos em lojas de varejo. 36% afirmam pesquisar preços de produtos na Amazon.com enquanto estão dentro de uma loja e 35% disseram que escaneiam códigos de barras para comparar preços ofertados por outros varejistas. 33% afirmam checar online os preços de um varejista quando estão dentro de sua loja e 25% disseram ser propensos a comprar de um varejista online enquanto estão em uma loja física de um concorrente.

Via E-Commerce News, foto: Mrs Minifig, CC

Uma opinião sobre “Pesquisas ajudam a entender o comportamento dos consumidores online”

  1. Muito obrigado a toda a equipe do pagseguro, realmente são muito valiosas estas informações para quem trabalha na área. Aqueles que se baseiam somente em dados do Brasil (que são raríssimos) perdem uma grande oportunidade de se antecipar a muitos fatos que também acontecerão no mercado brasileiro.

Os comentários estão encerrados.