Como o botão +1 afeta o SEO

Desde que surgiu, o botão +1 é um mistério tanto para usuários quanto para os produtores de conteúdo. Ele é diferente do Curtir do Facebook, que não compartilha diretamente conteúdo no stream do usuário. Mas para a gigante de buscas, a ligação entre o seu uso social e as buscas é quase inevitável.

O Google define o +1 como uma função que ajuda as pessoas a compartilhar e descobrir conteúdo relevante dentro de sua própria rede, entre pessoas que já conhece e em quem confia. Os usuários podem dar +1 para diferentes tipos de conteúdos: resultados de buscas, sites, anúncios. Ao clicar, o conteúdo pode ser visto na aba +1 de seu perfil, nas buscas e nos sites que usam o botão.

A coisa ficou mais séria quando, no começo do ano, o Google lançou o Search plus. O diretor do produto, Jack Menzel, explicou que o com o Google+ os usuários podem fazer buscas entre informações compartilhadas só com eles, não apenas nos sites públicos. Segundo o blog Conversation Marketing, nesta nova modalidade, os resultados que receberem muitos cliques no +1 aparecerão em primeiro lugar.

A empresa veio a público e explicou a sua proposta, mas não está claro ainda, como tudo isso vai afetar os rankings das buscas. É uma nova quebra de paradigma para tudo o que já sabemos.

Como o botão afeta o meu site na “busca social”?

Ele tem um efeito indireto no ranqueamento do site. Isso não quer dizer que links com muitos cliques no botão subirão nos resultados da busca tradicional. Quando o usuário clica no +1, ele aprova o seu conteúdo e então mostra as buscas relacionadas no mesmo assunto. Quando está fazendo a busca logado, o internauta tende a preferir este conteúdo, já que seus conhecidos o indicaram como relevante.

 

A mesma coisa se aplica aos internautas que não estão logados quando realizam sua busca. Quando ele procura pelo mesmo termo, os resultados mostram quantos +1 eles receberam, que também é uma forma de validação.

O que isso tem a ver com SEO?

Os links com +1 têm mais chances de CTR maiores, além de também provavelmente serem mais compartilhados nas outras redes sociais. Rand Fishkin, CEO e co-fundador do SEOmoz, testou como funcionam os resultados de busca e o compartilhamento no Twitter e no Facebook. Ele encontrou uma relação positiva entre o número de retuites e compartilhamentos e o ranking do link. Isso significa que quanto mais o link é transmitido no Twitter e no Facebook, melhor o seu posicionamento.

Conclusões

Cliques no +1 podem indiretamente afetar o pagerank. Quanto mais cliques houver, provavelmente seu CTR vai aumentar, o que pode levar ao aumento de compartilhamento em redes sociais e melhorar seu posicionamento na busca orgânica do Google. É importante lembrar que é uma correlação e não uma relação de causa e efeito.

Ou seja, os efeitos do +1 no SEO são indiretos, você não deve deixar de lado nenhuma prática tradicional que já adota – e muito menos as melhorias, que devem ser constantes. Link building, palavras-chaves relevantes e boa estrutura de URL continuam a ser fundamentais para bons resultados.

Ainda precisamos reunir mais informações sobre a função do botão +1 e sua influência sobre as buscas. O próprio Google disse: “Para que o +1, como qualquer novo fator de ranking, começamos com cuidado e estamos aprendendo quais são os sinais de qualidade”.

Para os especialistas na otimização para buscas, uma coisa é óbvia: todo e qualquer fator afeta o SEO. Você usa o botão? Notou mudanças? Conte para a gente como isso influenciou os seus negócios (se influenciou).

Via: Mashable

2 opiniões sobre “Como o botão +1 afeta o SEO”

Os comentários estão encerrados.