Redes sociais como canais de relacionamento no e-commerce

As redes sociais estão se consolidando cada vez mais como canais de exposição e branding para as marcas, mas isso não significa, necessariamente, que não possam gerar conversões. Porém essas conversões nem sempre são resultados de uma atuação mais agressiva nesses canais.

Inserir apenas códigos promocionais, realizar sorteios ou promoções relâmpagos são formas interessantes de angariar um público cada vez maior nas redes sociais. Mas, onde fica o relacionamento? Muitos desses usuários – na verdade a maioria deles – só seguem uma marca atrás de descontos e brindes, não fazendo qualquer aquisição efetiva ou advocacia da marca. Vale a pena esse investimento?

Use as redes sociais como um canal de aproximação, de fato, com os clientes. Não é preciso sempre oferecer brindes para conquistas um fã. Ofereça produtos de qualidade, respeito para com o cliente e, principalmente, um relacionamento transparente. Outros clientes chegarão e as conversões serão só consequência de um trabalho bem feito.

Outra dica super importante é oferecer aos seus clientes um meio seguro para que o mesmo realize os pagamentos. Aliás, não só seguro, mas que permite diversas formas de pagamento. Cadastre-se agora mesmo no PagSeguro e dê mais credibilidade para o seu empreendimento:

Crédito da imagem: Ben K Adams via Compfight

Uma opinião sobre “Redes sociais como canais de relacionamento no e-commerce”

  1. Realmente, concordo com o texto e ressalto que as redes sociais são responsáveis pelo pós venda(ter um feed back do cliente, atendimento(conhecer seus clientes), entretenimento(quando vc posta uma foto ou vídeo interessante).
    É o que tento fazer em minha loja http://www.bebemundi.com.br, buscar a aproximação com o cliente.

Os comentários estão encerrados.