Redes sociais consomem tempo dos internautas durante o trabalho

Quantas vezes, no meio do expediente de trabalho, você se pegou dando aquela espiada no Facebook ou fazendo algum comentário aparentemente inofensivo no Twitter? O quanto as redes sociais distraem você dos afazeres do dia a dia?

Muito mais vezes do que você pode imaginar. A empresa de Red e App desenvolveu um infográfico que mostra como as interrupções influenciam a produtividade dos funcionários. Foram medidas quantas “escapadinhas” são feitas durante o dia aos mais populares serviços: Facebook, Twitter e e-mails.

Dentre as descobertas mostradas no estudo, 28% do dia seria gasto em interrupções e tempo de recuperação de tarefas. Se levarmos em consideração que um dia de trabalho possui 8 horas, significa que os funcionários gastam um pouco mais de 2 horas se distraindo com abas de serviços não relacionados às atividades.

Ainda segundo a pesquisa, funcionários interrompem suas tarefas uma vez a cada 10,5 minutos, ou seja, quase seis “escapadinhas” por hora. Além disso, mais de 40% dos trabalhos interrompidos não seriam imediatamente retomados – trabalhadores demorariam mais de 23 minutos para voltarem aos afazeres.

Outro dado interessante é que quase metade dos funcionários (45%), segundo o infográfico, acredita poder realizar mais de uma tarefa ao mesmo tempo. O que não é lá muito real, porque, segundo a análise, tarefas realizadas simultaneamente levam, em média, 30% mais tempo para serem finalizadas do que se fossem feitas sequencialmente.

Segundo o infográfico, o Facebook registra diariamente mais de 1 bilhão de postagens, sendo 700 mil o número de mensagens enviadas a cada segundo pela rede social de Mark Zuckerberg. Ainda de acordo com a análise, a média de tempo gasto por usuários no site, por mês, é de 405 minutos (quase 7 horas!).

Já os números registrados para o Twitter são um pouco menores, mas não melhores. Segundo a pesquisa, 400 milhões de tuites são enviados a cada dia. A média de tempo que usuários gastam no microblog é de 89 minutos por mês (cerca de 3 horas). Por segundo, o número de mensagens chega à marca de 175 mil. Fora isso, a Red e App registrou 1 milhão de novas contas cadastradas a cada dia no site.

No quesito e-mails, a leitura de mensagens recebidas durante o expediente sugaria 28% do tempo dos funcionários, em média, sendo 112 a média de mensagens que o trabalhador troca durante o dia. O número de e-mails que circula na Internet chega a 62 bilhões, em média, diariamente.

Se você ainda acha que tudo isso não passam de números, saiba que o impacto calculado dessas “escapadinhas” diárias é de cerca de 650 bilhões de dólares por ano, ou mais de 1 trilhão de reais em gastos – isso só nos Estados Unidos.

Para ver o infográfico original (em inglês), clique aqui.

Via: IDG Now!. Crédito da imagem: Facebook, escapedtowisnsconsin, CC-BY-NC-ND.