Vender alimentos na internet? Sim, é possível!

vender comida pela internet com pagSeguro
Antigamente, se você ouvisse que alguém comprou um alimento online iria estranhar. Agora, a realidade mudou e esse tipo de e-commerce vem ganhando mais clientes a cada dia.

É fácil encontrar lojas online que vendem produtos não perecíveis, doces e salgados por encomenda, bebidas, lanches e diversas outras boas opções. E, é claro que para ganhar ainda mais credibilidade o seu e-commerce precisa de um uma boa forma de pagamento: o PagSeguro!

Entre diversos sites de venda online, separamos alguns para você conhecer:

LightChef: oferecendo uma nutrição saudável e fitness, eles possuem pratos prontos e kits que podem ser personalizados conforme a sua necessidade.

Armazém Santa Filomena: aqui, você vai encontrar uma opção mais diversificada de produtos para consumo rápido.

Geleias Edelweiss: esse é um exemplo de e-commerce focado em apenas um gênero alimentício. Com isso, você ganha força e pode se destacar no e-commerce.

Agora que você conheceu alguns exemplos, está na hora de falar o que interessa: dicas de como fazer o seu e-commerce dar certo.

Quando se fala em alimentos, a entrega é crucial

Dependendo do produto, o melhor a se fazer é restringir a entrega para uma região que você possa atender pessoalmente. Assim, garante que o alimento seja entregue em perfeitas condições. Se o produto não por perecível, use transportadoras de segurança para ter a certeza de uma entrega perfeita.

Informações importantes, são importantes

Quando uma pessoa vai até um supermercado ou loja comprar algum alimento, ela se atenta a diversos itens como: validade, valores nutricionais e tudo mais. Portanto, a descrição dos seus produtos deve ser a mais completa possível.

 Armazenamento adequado

Por mais que esse seja um espaço que o cliente nunca irá ver, é importante manter os itens armazenados adequadamente. Temperatura ideal, prateleiras e armários higienizados, além de embalagens certas para evitar possíveis acidentes no transporte.

E não se esqueça: antes de criar o seu e-commerce de alimentos, fique atentos as leis federais, estaduais e municipais sobre a venda de alimentos e use o PagSeguro como forma de pagamento.