Prepare-se para vender mais no Dia dos Pais

Vender mais no Dia dos Pais

Não são só os pais que aguardam com ansiedade a chegada do segundo domingo de agosto, quando é comemorado o Dia dos Pais. Os lojistas também arregaçam as mangas, uma vez que se trata de uma ótima oportunidade para aumentar as vendas e, consequentemente, a receita.

Para se ter uma ideia, só o comércio eletrônico, segundo dados da consultoria Ebit, movimentou 1,76 bilhão de reais nas duas primeiras semanas de agosto do ano passado, em virtude do Dia dos Pais. Com um tíquete médio de 441 reais, foram 4 milhões de pedidos efetuados online. Por sua vez, a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) aponta que o varejo tradicional faturou 36,5 bilhões de reais na semana que antecedeu a data em 2016. Valores nada desprezíveis, né?

Com a economia se recuperando aos poucos, a tendência é que as vendas aumentem neste ano. Quer aproveitar a alta de vendas nesta data? Então, confira as dicas a seguir:

De olho no histórico de vendas

Um lojista organizado tem um sistema que reúne todas as vendas realizadas mensalmente. Vale a pena ter o histórico de vendas realizadas no Dia dos Pais dos anos anteriores, para analisar quais produtos são mais procurados nesse período. Assim, você consegue deixar o estoque pronto para atender a demanda.

A título de curiosidade, as categorias que tiveram maior volume de pedidos online no Dia dos Pais de 2016 foram “Moda e Acessórios” (16%), “Livro/Assinatura de Revistas” (13%), “Telefonia/Celulares” (12%), “Eletrodomésticos” (12%) e “Cosméticos e Perfumaria/Saúde” (11%).

Kits de produtos

Muitos produtos parados no estoque? Xiii, isso é sinônimo de dinheiro perdido. Aproveite o Dia dos Pais para criar kits de produtos relacionados, como um jogo de facas para churrasco e grelhas especiais. Além de fazer o estoque girar, você ainda aumenta o tíquete médio das suas vendas.

Valor dos produtos

Por mais que as pessoas se preocupem com o preço, faça com que elas enxerguem, primeiramente, o valor agregado dos produtos. Em outras palavras, apresente todos os benefícios que produto tem, antes de seu preço, para um cliente.  Ao conhecer as vantagens do produto, é possível que elenão se importe em pagar um pouco mais para comprá-lo.

Se você possui uma loja virtual, faça uma descrição completa, use fotos com boa qualidade e vídeos mostrando as funcionalidades do produto. Essas são uma maneira de demonstrar o valor dele.

Em uma loja física, esse trabalho deve ser feito pelos vendedores durante o atendimento ao cliente. Nesse sentido, faça um treinamento com seus colaboradores, de modo que eles tenham todos os benefícios dos produtos na ponta da língua. Só depois de convencer o cliente, mencione o preço do presente.

Divulgue seus produtos em diversos canais

Falta de verba não é desculpa para não divulgar sua loja e seus produtos. Gastando muito pouco, é possível criar diversas campanhas online, como: e-mail marketing, redes sociais, Google AdWords e por aí vai. Além de ser mais barato do que anunciar nos canais tradicionais, divulgar pela internet permite segmentar o público que você quer atingir, direcionando, por exemplo, seus anúncios apenas para as regiões que você atende.

Lembre-se: As mensagens da sua ação de marketing devem ser direcionadas aos filhos e mulheres. Afinal de contas, são eles que vão comprar os presentes, né?

Clima de Dia dos Pais

Parece bobagem, mas a loja precisa entrar no clima da data para que os clientes se sintam à vontade para comprar  Em uma loja virtual, vale a pena colocar um banner com a foto de um pai junto com a família. Essa imagem ajuda reforçar a ideia de que o visitante precisa comprar um presente para o pai, avô ou tio e que a loja está lá para ajudá-lo.

O mesmo raciocínio vale para as lojas físicas. Investir nessa ideia nas vitrines, chama atenção das pessoas e as convida a entrar e conhecer os produtos.

Variedade na hora de pagar

Levar as pessoas até a sua loja é só o primeiro passo para realizar a conversão. Os clientes também se preocupam com os meios de pagamento que uma loja oferece. Eles gostam de variedade e simplicidade. Mesmo que o cartão de crédito seja a preferência nacional, o consumidor deve ter o direito de pagar usando outras formas.

Para não decepcionar os usuários, a melhor alternativa para uma loja virtual é ter o sistema de pagamento do PagSeguro integrado. Com ele, você aceita mais de 25 meios de pagamento, desde as principais bandeiras de cartão de crédito, débito online e boleto bancário. Isso sem falar da possibilidade de parcelamento em até 12 vezes no crédito, sendo que a loja recebe o valor integral de uma única vez!

No comércio físico, as maquininhas do PagSeguro são a solução para qualquer negócio, independentemente do tamanho ou tipo. Com a Moderninha Wifi, Moderninha Pro e Minizinha você aceita pagamentos com cartões de débito, crédito e refeição. A grande vantagem das maquininhas do PagSeguro é que elas não cobram taxa de adesão nem aluguel, ou seja, você é dono do aparelho. Isso sem falar que elas, agora, têm 5 anos de garantia. Por fim, as vendas no crédito podem ser parceladas em até 12 vezes.

Ah, você utiliza as redes sociais e o WhatsApp para divulgar e vender produtos? Mais uma vez, o PagSeguro é seu parceiro ideal. É possível facilitar o pagamento dos clientes usando o Pag.ae. Pelo site ou pelo aplicativo PagSeguro Vendas você insere os dados da venda – descrição do produto e valor – e gera um link de pagamento. Aí, basta compartilhá-lo com seus clientes pelas redes sociais e WhatsApp. Automaticamente, eles poderão efetuar o pagamento com mais de 25 meios de pagamento.

Ao seguir todos esses passos, sua loja estará pronta para faturar bastante no Dia dos Pais. Boas vendas!