Arquivo da tag: implantação

WordPress Summit 2010: conheça e use a melhor plataforma de publicação

WP Summit 2010

Quem conhece, sabe: o WordPress é uma das melhores plataformas de publicação hoje no mercado. Flexível, versátil e robusto, ele permite criar de um blog pra lá de profissional (como este) a um e-commerce. No dia 25 de setembro, reuniremos os melhores profissionais para que todos conheçam melhor o WordPress.

Na área de Criatividade os inscritos no #wpsummit vão saber como desenvolver um tema (layout) para a plataforma, requisitos de CSS e outros detalhes. Na área de Desenvolvimento, coordenada por Manoel Netto, as palestras abordarão a criação de plugins, otimização de performance e questões de integração.

Veja a programação e inscreva-se! Por R$ 50,00 você terá palestras com os melhores profissionais do mercado e muito conhecimento à disposição.

10 passos para entrar no mundo do e-commerce

foto: Daniel Bernardinelli, CC

1- Entenda o mercado online e como sua empresa pode entrar nele

A ideia de que o negócio virtual é mais barato, não precisa de um plano de marketing e de pesquisas fundamentadas com profissionais do mercado é um dos principais fatores do fracasso. É necessário analisar a concorrência e a viabilidade de venda na web de cada linha de produtos. As perguntas-chave: Esse produto vai vender na web? Já está saturado na internet? Mesmo que a resposta da última pergunta seja não, o produto é próprio para venda na internet?”

As categorias de produtos que puxaram o volume das vendas no ano passado foram livros, saúde, beleza e medicamentos, eletrodomésticos, informática e eletrônicos, segundo pesquisa da consultoria e-bit. O diretor geral da instituição, Pedro Guasti, aconselha a investir em nichos e diferenciação.

2- Legalize a sua empresa

É indispensável ter a documentação do empreendimento em dia. Ter a empresa legalmente estabelecida, com CNPJ, é essencial para não se tornar um vendedor de e-commerce informal. Além disso, sem a papelada você não pode oferecer nota fiscal nem garantia e o consumidor fatalmente não vai se sentir seguro para comprar em sua loja.

3- Escolha uma plataforma de vendas adequada

A plataforma de comércio eletrônico nada mais é do que um sistema pra vender. Hoje existem no mercado plataformas e soluções a preços acessíveis. Quanto investir nela? Depende de seu bolso e de seu plano de negócios. O ideal é, antes de começar, investigar. Vá ao Ciclo MPE.net (a programação passa pelo Brasil inteiro ao longo do ano), por exemplo, para conhecer melhor os detalhes do comércio eletrônico. Converse com desenvolvedores ou consultores de sua confiança.

Jamais confie em preços muito baixos. Escolher uma plataforma com tecnologia de baixa qualidade é outro fator de fracasso no mundo virtual. Existem muitas plataformas de e-commerce gratuitas, mas configurá-las de acordo com o seu negócio, integrar a sistemas de pagamento ou gateways e instalar ferramentas de medição, entre outras necessidades, exigem expertise. O mercado brasileiro tem ótimos desenvolvedores para fazer isso. Veja no nosso Guia do Desenvolvedor a variedade de plataformas disponíveis.

4- Soluções de pagamento Continue lendo

Ambiente para testes locais no ar!

Esta é só para os desenvolvedores que adotam PagSeguro nas soluções que implementam: o ambiente de testes locais já está disponível no Guia do Desenvolvedor. A Visie construiu todos os detalhes para que você possa testar sua implantação PagSeguro sem fazer compras com dinheiro real. Por enquanto, está disponível apenas para Linux. Você pode baixar o código e um breve manual de uso. O servidor de testes foi desenvolvido em Python, mas pode ser usado para testar uma implantação feita em qualquer linguagem.

Para os usuários de Mac, Guilherme Rambo escreveu um ótimo artigo ensinando a instalar, configurar e usar o servidor de testes. E, graças a Teoni Valois também temos um servidor de testes em .Net para Windows. Vale à pena conferir inclusive o vídeo que ele preparou demonstrando como usá-lo.

Crie sua loja PagSeguro com JavaScript

Michael Granados, mais conhecido como DG Mike, publicou na véspera do carnaval o script completo para fazer a sua loja PagSeguro com JavaScript. O processo é rápido e bastante simples.

Vejam só o resultado:

Loja PagSeguro feita com Java Script
Loja PagSeguro feita com Java Script

As vantagens:

  1. Não precisa de hospedagem. Pode ser instalada em qualquer site gratuito que vai funcionar.
  2. É possível gravar a loja num CD e enviar para alguém, por exemplo.
  3. É rápida, muito rápida. Navegue e veja.
  4. Põe-se no ar em minutos. Não só a integração PagSeguro, mas a loja inteira.

As desvantagens:

  1. Não vai funcionar com 10 mil produtos.
  2. Não tem sistema administrativo. Os produtos são cadastrados num arquivo de texto.

Como criar sua loja na internet

imagem:SXC
imagem:SXC

Você tem o produto e/ou serviço. E aqui na rede, milhões de brasileiros buscam confiança nas compras on-line. Mesmo que você seja um pequeno empresário, sem saber como se constrói uma página de internet, é possível criar um canal (ou site) de e-commerce com relativa facilidade. Afinal, no PagSeguro a gente trabalha o tempo todo para oferecer soluções sob medida para todos.

1. Blogs ou orkut

Vamos dizer que você seja um blogueiro (ou uma blogueira). Você já tem seu blog, já coloca os seus produtos ou serviços lá. Não importa se você usa Blogger ou WordPress, a solução PagSeguro está prontinha para usar. Basta cadastrar-se, criar o seu carrinho de compras, copiar o código e colar no final do post… A sua “loja” vai funcionar – e aceitar de transferência bancária a cartões de crédito. Lembre de cuidar bem da sua logística para evitar devoluções e cancelamentos.

Dois casos de sucesso ao vivo:

a Raquel Sallaberry, que já oferecia seus cadernos artesanais (e também bijus lindas) no blog, optou por fazer sua loja no Elo7 em vez de criar os botões comprar. A loja aumentou as vendas e ela está feliz e contente com o sistema de pagamentos.

Já o Roger Franchini adotou a solução para criar a pré-venda do seu livro Ponto Quarenta, no seu blog. Segundo ele, está vendendo como água no deserto.

Como fazer?

O botão Comprar é a forma mais rápida, simples e segura de colocar seus produtos e serviços à venda em seu site, e transformá-lo (sem precisar de um desenvolvedor) em uma loja virtual. Veja como funciona:

* Ao clicar no botão Comprar seu cliente será direcionado à página de pagamentos do PagSeguro, onde poderá efetuar o pagamento de forma rápida e segura. O cliente nem precisa estar cadastrado no PagSeguro, mas se tiver cadastro, poderá comprar apenas com seu login e senha.

* Após finalizar o pagamento, o cliente é redirecionado novamente ao seu site, no endereço que você informar ao PagSeguro em Retorno Automático.

Você receberá então um e-mail de notificação do pagamento. Os dados referentes à transação: nome, endereço, valor do pagamento, ficam disponíveis em sua conta PagSeguro.

Para inserir os botões Comprar em seu site, preencha os campos e clique em “Gerar código-fonte”. Em seguida, basta colar o código HTML gerado ao lado do produto à venda em seu site.

Observações:

* O botão Comprar permite a venda de um único produto por clique. Portanto, você deverá gerar um código para cada produto à venda em seu site.

* O botão Comprar é exclusivo para venda de produtos ou serviços em sites. O uso em leilões não é permitido por não conter informações sobre o usuário. Para usar em leilões você pode enviar uma cobrança por e-mail, ou enviar um e-mail com um link convidando o comprador a fazer a compra em seu site.

Depois de tudo pronto, cabe a você, empreendedor, divulgar, mostrar, fazer acontecer, criar suas promoções. Nessa hora você pode anunciar no Google, UOL, onde mais você quiser.

2. Desenvolva sua própria loja com ferramentas gratuitas disponíveis na rede

Existem diversos sistemas disponíveis para criação de lojas em seu próprio servidor. O primeiro passo, claro, é ter o seu domínio.

O passo seguinte é escolher qual será a ferramenta. Há soluções de integração com PagSeguro prontas para diversos sistemas:

OsCommerce – Há mais de 200 mil lojas em todo o mundo usando este sistema. Até hoje existem mais de 5 mil plugins disponíveis para estas lojas, tudo de graça, com código aberto sob licença GNU-GPL, permitindo instalar e manter uma loja sem taxas ou custos (caso você entenda um pouco de programação, claro). No mercado há oito anos o OsCommerce é o motor por trás de muitas lojas que você usa/visita.

Joomla + VirtueMart– O VirtueMart é um sistema de criação de lojas feito especialmente para Joomla! (e Mambo), que rodam em PHP. Também são soluções gratuitas que permitem criar lojas e conteúdo com agilidade e administrar todos os detalhes do seu negócio.

Magento – esta é a nova vedete do comércio eletrônico, ferramenta de código aberto modular, que dá flexibilidade a baixo custo, com otimização de busca já embutida.

3. Contrate um desenvolvedor e crie um projeto sustentável

Ok, ok, você é empresário e não quer pensar nas muitas questões técnicas que envolvem a implantação de sua loja on-line. Por isso mesmo o PagSeguro tem parceria com desenvolvedores que têm ferramentas e expertise para entregar sua loja prontinha, como você quer e mantê-la funcionando como deve. Através deles, você tem acesso aos mais de 46 milhões de consumidores que estão na rede. Eles usarão as melhores ferramentas e metodologias para fazer seu negócio crescer no ritmo da internet (em 2008, crescimento de 30% e R$ 8,2 bilhões).

PagSeguro no seu blog – rápido e fácil

Colocar o botão de comprar (ou doação) em seu blog é simples. O primeiro passo é usar o Gerador de Botão Comprar. Ele cria automaticamente o código HTML para o produto.

Em seguida, altere o código gerado, removendo todas as quebras de linha. Por exemplo, o código que estava assim:

Deve ficar assim:

Em seguida, selecione e copie o código.
Não importa qual o seu sistema de publicação, é preciso colar o código na janela de HTML…