Arquivo da tag: planejamento

Como planejar a sua viagem

Rapi10 viagens

As viagens de lazer servem para você se divertir, relaxar e conhecer culturas diferentes. Por isso, para que o estresse e as surpresas desagradáveis fiquem bem longe, é muito importante que haja um bom planejamento. Atitudes simples farão toda a diferença e a sua única preocupação na hora de viajar será aproveitar ao máximo!

Pesquisa

Após decidir o destino da viagem, é hora de pesquisar os pontos turísticos, como se locomover, onde comer e as melhores regiões para se hospedar. Além disso, você também pode começar a comparar preços de hotéis e passagens. Vale ressaltar que nesse ponto a antecedência é fundamental. As passagens aéreas são mais caras quando a data do embarque está muito próxima. Fique de olho nas promoções, preços muito bacanas podem aparecer. Siga as páginas nas redes sociais de agências de viagens online e se cadastre para receber as ofertas em seu e-mail.

Quando viajar?
Sem dúvida, períodos fora da alta temporada saem mais em conta em todos os sentidos, do cafezinho ao preço da passagem aérea. De fevereiro a junho e de agosto a novembro são meses tranquilos e mais baratos, com exceção dos feriados (especialmente os prolongados). Se você prefere a agitação, o melhor é viajar em dezembro, janeiro ou julho. No entanto, prepare o bolso para gastar um pouco mais.

Faça acontecer

Com os dados de suas pesquisas em mãos, você consegue prever quanto será o investimento para a realização de sua viagem. Analise esse valor junto ao seu orçamento e decida qual a melhor forma de pagamento dentro de suas condições para não acabar se endividando. Como o preço das passagens costumam variar, é recomendado que você separe um pouco mais de dinheiro para ter uma margem de segurança. Fazendo isso, você também garante alguma despesa extra que possa surgir no meio do caminho.

É importante verificar também qual é a documentação exigida para viajar. Se você for para o exterior, talvez precise providenciar passaporte e visto. Estes são procedimentos que demandam tempo e custos que devem constar no seu planejamento financeiro da viagem.

Faça um roteiro dos locais que pretende visitar. Dependendo dos seus planos, alugar um automóvel pode valer muito mais a pena, principalmente se você pretende ir à cidades próximas. Comprar ingressos ou fazer reservas para excursões e atividades com antecedência garante sua diversão e evita dores de cabeça com a falta de tíquetes e filas.

Conte com a Rapi10 Viagens!

A Rapi10 é uma agência online que oferece diversos serviços e benefícios para que você possa realizar a viagem dos seus sonhos. Só clientes Rapi10 podem pagar as passagens aéreas via PagSeguro optando por débito ou em até 18x no cartão de crédito. Você encontra tudo o que precisa em um só lugar.

Rapi10

Sem datas sazonais? Crie a sua!

No ramo do varejo (seja ela tradicional ou digital) não dá só para ficar esperando as datas sazonais. Dia das mães e dia dos namorados são sem dúvida datas que impulsionam as vendas e devem ser utilizadas sempre com inteligência e estratégia, porém enquanto estas datas não chegam, que tal inovar com seus clientes? Crie um dia do seu jeito. Pode ser o “dia de trocar tudo”, “dia de aproveitar o frio”, “dia do limpa estoque” e aproveite para vender mais.

Mas lembre-se de dar realmente benefícios reais ao comprador e que ele perceba que está tendo mesmo uma vantagem ao adquirir produtos nestes dias. Faça uma análise de qual dia sua loja vende menos e aproveite estes dias para criar sua data promocional, pode virar um hábito e seu cliente vai com certeza esperar.

E sempre fique ligado nas datas cívicas e comemorativas para uma boa oportunidade. Dia do pintor, do músico, do artista. Existem várias e com certeza em uma delas está escondida a sua chance de faturar mais. E não adianta nada oferecer promoções sem uma forma segura e com várias opções de parcelamento em vários tipos de cartão. Então não se esqueça de criar sua conta como vendedor no PagSeguro e oferecer esta comodidade para os clientes do seu varejo online. Boas vendas!

Crédito da imagem: ion-bogdan dumitrescu via Compfight.

Cadastre-se agora mesmo no PagSeguro:

Como vai ser o segundo semestre do seu e-commerce?

Carousel
Creative Commons License Photo Credit: Sanctu via Compfight

Estamos quase em julho e mais um semestre está acabando. É um ótimo momento para pensar em como está o seu negócio on-line. Se você não usa ainda o PagSeguro a primeira dica é fazer seu cadastro e usar a solução de pagamento digital do PagSeguro. É um cadastro rápido e você já pode implementar em sua loja, via programação ou através do botão de pagamento.

Depois veja como foi sua venda nos últimos 6 meses. Foi acima ou abaixo do esperado? Onde foram os acertos, onde foram os erros? Onde poderia ter sido melhor? Este momento de reflexão pode ser muito importante para o seu resultado no final de ano.

Mas só refletir não adiante, é importante tomar medidas sobre o que você descobriu e criar um plano de ação. Numa planilha você pode colocar numa coluna a ação necessária, na outra a data limite para que a ação seja implementada e em outra coluna o nome do responsável pela ação. Assim você acompanha exatamente o que está fazendo e acredite será ótimo ver as etapas sendo concluídas uma-a-uma e ver o impacto disto no seu negócio.

E por fim não deixe de estipular novas metas. Onde você quer estar em dezembro de 2012? Como vai ser o seu Natal? Faça metas plausíveis e prevendo um crescimento para seu negócio. Se for o caso compartilhe a meta com a equipe e combine um bônus caso as marcas sejam atingidas. Pode ser uma festa, um presente no final do ano ou até mesmo um valor extra no salário. Assim todos se engajam com você na missão de ter um negócio digital on-line de sucesso.

E não deixe de ficar ligado aqui no blog do PagSeguro sempre com dicas, notícias do setor e cases inspiradores de sucesso.

Ainda não possui conta no PagSeguro? Faça seu cadastro. É rápido, simples e grátis:

Faça uma auto-análise de seu e-commerce

Muitos micro e pequenos empresários não têm acesso a algum tipo de assessorias (consultores ou empresas especializadas), que fazem o trabalho de analisar o empreendimento digital e apontar os possíveis erros e as possíveis soluções.

Porém, é possível começar esse processo sozinho. Fazer uma análise do seu e-commerce é mais simples do que você imagina: basicamente, basta se colocar no lugar do cliente.

Veja alguns itens que podem te ajudar a fazer uma análise da sua loja virtual, pontuar problemas e orientar com melhorias. A lista não elimina a necessidade de um especialista para ajudar a avançar no futuro, mas é um ótimo começo.

1. O seu cliente sabe exatamente onde está?

Quando seu cliente está navegando na sua loja, e ela possui várias categorias e subcategorias, é fundamental demonstrar em que seção ele se encontra. Isso deve ser feito com títulos, sub-cabeçalhos ou um indicador de caminho (breadcrumb):

Home >> Categoria >> Subcategoria >> Produto.

2. Seu cliente consegue filtrar suas pesquisas com liberdade?

Quando o internauta procura um item para comprar, alguns fatores podem ser mais importantes que outros, dependendo da pessoa, dos seus objetivos e do produto escolhido. Preço, tamanho, cor, mais comprados e fabricante são só alguns exemplos de filtros que devem estar disponíveis para seu usuário ficar à vontade e se decidir.

3. Seu cliente consegue ver todos os produtos de uma subcategoria ao chegar nela?

A menos que você tenha mais de 100 produtos em uma sub-categoria, é interessante que o usuário possa ver todos eles em uma página só. Está provado que aqueles números abaixo da lista irritam e fazem com que os produtos da última página sejam prejudicados.

4. Seu cliente tem acesso à disponibilidade real daquele produto?

Imagine o seguinte: seu cliente está comprando um tênis e encontrou aquele que ele sempre quis. O site fez o serviço certinho e ele foi convencido a fechar a compra. Na hora de registrar o tamanho, o cliente descobre que aquele tamanho não está disponível. Pense só, não importa o que você faça depois disso, a boa experiência de compra já desceu pelo ralo e o sentimento de alegria se transformou em decepção.

5. Seu cliente precisa clicar quantas vezes até ter alguma informação sobre o produto?

Essa história de não colocar o preço na primeira página ou deixar as informações somente na página especifica do produto também é um tiro no pé. É preciso aproveitar os espaços com sabedoria; uma idéia é sempre ter uma descrição curta próxima às fotos na vitrine e nas categorias principais, isso facilita muito na hora da compra.

6. Seu cliente consegue encontrar e utilizar a ferramenta de pesquisa?

Ter uma ferramenta de pesquisa visível é primordial para aqueles clientes que não gostam de ficar passeando por toda a loja e desejam ir direto ao ponto. Verifique se ela está bem situada (na parte superior direita) e se funciona rápida e eficientemente.

7. Seu cliente consegue ver detalhes do produto?

As imagens devem estar em ótima qualidade, ser criadas por profissionais, com opção de zoom de duas ou três vezes.

8. Seu cliente tem acesso a todas as informações necessárias para fechar a compra?

Exemplo rápido: ao buscar um apoio para notebook, ele encontra todas as especificações – vale para netbook? Quais as dimensões? Como é o uso? Antecipe-se às dúvidas de seus clientes e deixe as informações muito claras nos detalhes do produto.

9. Seu cliente sabe as opções de entrega existentes, desde o início?

O cliente precisa saber as opções de entrega desde o início do processo de compra, bem como os prazos. A entrega expressa é uma ótima opção para atrair mais clientes e aumentar suas vendas. Funciona assim: você delimita uma área da cidade e proximidades que poderá atender por moto ou pequenos veículos, calcula o preço desta comodidade e oferece a opção ao cliente.

10. Seu cliente recebe mensagens por e-mail com informações sobre o pedido?

Seu cliente deve receber uma mensagem com o resumo de toda a negociação assim que finalizá-la. Depois, a cada movimento, ele deve ser avisado. Por exemplo: se o financiamento foi aprovado ou se a mercadoria está a caminho. Este procedimento ajuda na fidelização. Implante.

Via Blog CobreDireto

PodMak agora tem apoio do PagSeguro

Está no ar o primeiro PodMak com patrocínio do PagSeguro. Neste programa, eles conversam com o Sr. Chico do MidiaBoom sobre planejamento de conteúdo em blogs. Este planejamento é importante para todos, principalmente para quem tem seu e-commerce.

Escreva em um papel um planejamento do que vai escrever no seu blog, quais os assuntos serão mais pertinentes e vão dar mais audiência? E mais do que isso, você possui um planejamento de marketing para o seu blog? Aonde está meu blog? Aonde ele quer chegar? Como chegar ate esse objetivo? Essas são algumas perguntas que você deve sempre fazer e, lógico, começar a colocar no papel.

Com vocês, o primeiro programa.

Planeje seu negócio – Parte 1

Planejamento é tudo na vida. Como já dissemos nos posts sobre marketing e buscas, sem ele seu negócio corre o risco de naufragar – e os pequenos e micro empresários, no Brasil, são os que mais sofrem para colocar um negócio em pé.

  • Quem serão os meus clientes e/ou qual o público-alvo da minha empresa. São pessoas físicas? Qual seu sexo, idade, renda? São pessoas jurídicas? Qual o porte da empresa, sua área de atuação, localização?
  • Como vou atender às necessidades do meu público-alvo? Quais são os principais diferenciais dos produtos e/ou serviços que ofereço?
  • Qual o tamanho do meu mercado? (nesta hora pesquisas profundas no IBGE e outras fontes de informação pública, como o CGI são utilíssimas.
  • Onde moram os meu potenciais clientes? Eles têm o hábito de comprar os produtos e/ou serviços que quero oferecer?
  • Quando os meus potenciais clientes compram?
  • Quem são os meus concorrentes (diretos e indiretos)? Avalie seus pontos fortes e fracos (dos concorrentes).
  • Como vou me comunicar com meus clientes (rádio, jornal, panfletos, internet) e quanto isso custa?
  • Avalie os preços praticados atualmente no mercado.
  • Qual é o melhor ponto para o meu negócio? (Sim, mesmo num e-commerce, o ponto importa. Está perto de uma agência dos Correios? Tem espaço para estoque?)